Como Validar a Sua Ideia De Nicho De Mercado Para Identificar Se Existem Pessoas Interessadas No Assunto

By | outubro 15, 2017

1607553-min“Encontre produtos para seus clientes, e não clientes para seus produtos.”— Seth Godin

Você já identificou um potencial nicho de mercado fazendo a lista que pedi para você fazer na neste artigo aqui?

Para seguir em frente é extremamente importante que primeiro você faça a lista das suas paixões que falei no outro artigo aqui do blog.

Relembrando as tarefas:

1. Liste 10 coisas que você ama e que faria até de graça de tanto prazer que sente quando faz ou pratica.

E responde a pergunta:

Das citadas quais são as ideias que você possui mais conhecimento?

Será que existem pessoas já fazendo pesquisas sobre o assunto que você escolheu na internet?

Isso é o que vamos descobrir agora.

As ferramentas que usaremos:


1 – Existem pessoas interessadas no assunto que você quer falar?

“Profissionais de marketing não criam necessidades: as necessidades existem, antes dos profissionais de marketing. Os profissionais de marketing, paralelamente a outras influências da sociedade, influenciam desejos”. Philip Kotler

Porque não encaixar os seus interesses em um nicho que já existam outras pessoas interessadas também?

Feita uma boa lista das suas paixões, interesses e habilidades. Vamos analisar se as ideias possuem potencial para ser o seu Blog Autoridade.

A esta altura, você deve ter obtido um monte de ideias, do que poderá ser o seu blog, certo? Conheceremos agora as ferramentas para validar a sua ideia de nicho.

Uma pergunta que um dos meus amigos mim fez em relação a blog foi o seguinte:

Tenho muita vontade de iniciar um blog sobre um assunto que gosto, porém como vou saber se haverá tráfego atuando no mercado que eu escolher?

A resposta nós veremos agora.

E ela começa pelo google.

O google possui uma plataforma chamada de google Adwords.

Simples como isso:

  • 1. Google tem o seu poderoso motor de buscas
  • 2. Pessoas físicas ou com cnpj (anunciantes)querem atrair potenciais clientes para os seus negócios, então pagam o google para
  • seus anúncios aparecerem no topo das buscas.
  • 3. Os bogueiros colocam banner do adsense no blog em troca de alguns centavos a cada clique. Assim, além de vender espaço no seu ranking, o google faz parceria com blogueiros, afim de conseguir alcançar mais clientes para os anunciantes.

 Keyword Planner do google adwords

Essa é a ferramenta de anunciantes do google.

Permite uma visão do mercado, bem como as quantidades de pesquisas mensais sobre um tópico e a média de anunciantes existentes.

Com ela você já terá uma noção do número de pessoas interessadas no assunto.

Muitas vezes acabamos ficando muito presos achando que é necessário ser um Steve Jobs, Bill Gates ou um Albert Einstein da vida para ajudar com o conhecimento.

Isso hoje em dia não é verdade.

Você só precisa saber mais que as pessoas que te seguirão, para ser visto como um especialista no assunto, por elas.

Por exemplo:

Se seu público deseja viajar para Paris.

E você já foi várias vezes ou até talvez mora na cidade. Isso já é um assunto que muitas pessoas querem saber.

Poderia compartilhar toda a sua experiência em morar fora do Brasil:

  • Os lugares que você mais gosta de Paris
  • Como é o seu dia na cidade
  • Os melhores lugares para morar
  • Os melhores pontos para hospedar
  • Atrações turísticas mais legais
  • Comes e bebes
  • As melhores festas
  • Como se organizar para fazer viagem dos sonhos
  • E por ai vai.

Criar conteúdo em volta de apenas desse assunto ( Paris).

Assim você atrairia somente um público com interesse em viajar, estudar, morar ou até trabalhar na capital da França e que buscam mais informações de uma forma mais completa e aprofundada em um blog.

Se você ainda acha que precisa ser um professor de Havard para começar o seu blog, pense de novo, porque não é verdade.

Olha só isso:

como-fazer-arrozO termo como fazer arroz tem em média 74.000 buscas mensais no google.

Mesmo que sejam assuntos muito simples. Existem muitas pessoas que ainda não sabe e estão pesquisando para aprender.

Pode ter apenas o Ronaldo da sua cidade inteira fazendo essa pesquisa no google sobre como fazer arroz doce, por exemplo.

Mas quando olhamos para o contexto, existem outras, milhares de pessoas no Brasil e até em outros países pesquisando sobre o mesmo tema.

Digitando as mesmas palavras do Ronaldo ou usando variações ligadas ao assunto.

  • Como fazer arroz
  • Como fazer arroz doce
  • Como fazer arroz na panela elétrica
  • Como fazer arroz soltinho
  • Como fazer arroz carreteiro
  • Como fazer arroz no micro-ondas
  • Como fazer arroz integral

Não subestime o poder global da internet.

Por mais simples que seja o assunto que você colocou na lista de paixões, poderá haver muitas buscas no google também.


 Parte prática de como usar o google adwords

O conteúdo define o seu público.

Um detalhe importante para entender é que quando focamos em um assunto específico, tendemos a criar todo conteúdo dentro daquele contexto.

Logo acabamos atraindo somente pessoas muito interessadas no que criamos. Esse é o principal motivo de focarmos em um blog de nicho.

Vamos confirmar agora se alguma ideia da sua lista tem potencial:

  • Acesse a plataforma do google adwords e crie uma conta.
  • Certifique-se de escolher o País e idioma.
  • Agora clique em ferramentas no menu no topo;
  • Clique em planejador de palavra- chave;
  • Depois clique no botão: Procurar novas ideias de palavras chave usando uma frase, um website ou uma categoria;
  • Em seguida, insira a palavra que deseja saber o volume de buscas mensais.

Depois disso, a ferramenta te dará os dados da palavra chave:

  • 1. Buscas mensais: aqui você ver o número de pessoas em média que estão pesquisando no google por mês.
  • 2. Lance sugerido: se refere á média de quanto os anunciantes estão pagando por cada clique nos anúncios.
  • 3. Concorrência: tendo a baixa, média e alta. O google fornece uma base da quantidade de anunciantes pagando para aparecer
  • seus anúncios no topo do ranking e na rede display.

Curiosidade: Quando comecei a estudar sobre essa ferramenta, achava que a métrica concorrência se tratava da dificuldade de conseguir rankear um site nas primeiras posições do google. Que ingêno. Depois descobrir na época, que não tem nada haver uma coisa com a outra.


Você pode jogar quantas palavras quiser nessa ferramenta que ela te dará essas métricas acima.

Toda vez que quero saber se um assunto possui muitas buscas acesso a plataforma.

Somente usando o kewords planner você já conseguirá ter uma noção do tamanho do seu nicho de mercado.

Mas vamos a mais uma dica que vai te ajudar nessa tarefa.

# Youtube

como-segmentar-um-nicho

Essa é minha televisão hoje em dia.

Quero me entreter?

Assisto windersson nunes, portas dos fundos e outros canais legais de humor.

Mas muito além de uma plataforma de vídeos, também se trata de um mecanismo de busca, assim como o google.

A diferença é que o formato de vídeo predomina na rede social. O uso dos youtube só tende a crescer no País.

Em um País como o Brasil que não se tem muito o hábito de leitura, segundo o Ibope a média é equivalente a 4,96 livros por habitante/ano.

Você pode acessar o youtube e ver a popularidade dos assuntos por meio das visualizações dos vídeos.

Mas para que eu faria isso Adiones?

Pense comigo, se os top 10 primeiros vídeos possuem uma média muito grande de visualizações, no mínimo poderá significar alguma coisa.

É um bom indicativo que existem pessoas pesquisando sobre o tema na plataforma. Digamos que o seu nicho é sobre aprender inglês.

Quando pesquiso na rede social por:

Aparecem os vídeos com mais acessos sobre esse termo.

Principais dados interessantes a ser analisados  no youtube:

  1. Visualizações: Quanto mais visualizações melhor, se um assunto possui vídeos com 50 k , 100 k, 300 k ou 1.000.000 é um bom sinal do nicho ter uma demanda considerável.
  2. Engajamento: Ver se o vídeo tem muitas pessoas engajando ou seja comentando e dando likes.

Então analiso rapidamente.

Depois que clico no vídeo, consigo ler muitos comentários do público alvo. Que é muito interessante para o nosso próximo artigo da série BAL (Blog Autoridade Local).

Os comentários é um bom lugar para explorar a fim de, entender melhor o seu persona.

Então até aqui, você já fez uma lista de 10 ou mais paixões, analisou cada uma delas no kewords planner para ver a demanda por cada assunto e escolheu a que julgou mais interessante. Agora você irá colocar as que você mais viu potencial na ferramenta google trends.

Mas Adiones para que vou fazer isso?

É o que vamos ver adiante.


– O nicho que você escolheu está em um mercado em crescimento?

mercado-em-crescimento

Será que o nicho escolhido não está em declínio?

É importante saber se o assunto não irá ser extinto em algum tempo. Você quer falar sobre um assunto que as pessoas vão cada vez mais se interessar ao longo dos anos, não é verdade?

Bem, imagina você ter aquele trabalhão de criar o seu blog, criar conteúdo e divulgá-lo. Para depois descobrir que o assunto está morrendo a cada ano, á medida que o tempo passa cada vez menos pessoas, estão pesquisando sobre o assunto.

Não podemos correr esse risco. Devemos antecipar. E evitar esse erro.

Você pode usar o google trends para analisar por meio de estatísticas em relação ao assunto e ver se estar em acensão ou em constante crescimento.

Basta acessar o site google trends e colocar os principais termos relacionados ao seu nicho de mercado para ter uma noção (por meio de estatísticas) o crescimento ao longo dos anos.

Vou te dar alguns exemplos.

Digamos que eu queira entrar no mercado de relacionamentos.

E foco no nicho de sedução voltado para homens.

Logo poderia colocar um termo que sei que é um dos mais pesquisados em relação ao assunto, e você também saberá depois de ter seguido as etapas usando o kewords Planner.

O google trends te dar uma pontuação de 0 a 100.

Quando maior a pontuação melhor. Um detalhe que faz toda a diferença é você escolher o campo de tempo a ser contado. Se é para a ferramenta contabilizar nos últimos 30 dias, 90 dias, 12 meses ou até a partir de 5 anos atrás.

Olha só o que acontece quando coloco a partir de 12 meses:

Coloquei o termo como conquistar uma mulher na ferramenta e ela mostrou uma demanda estável pelo assunto, próximo a 100 numa duração de 1 ano para cá.

Agora veja a partir de 5 anos atrás até o momento que escrevo esse artigo.

A ferramenta já mim mostrou uma porcentagem entre 38 a 50% de buscas ao longo dos últimos anos com esse termo pesquisado.

É uma coisa simples, mas que passa informações importantes porque o google trends é baseado no motor de busca do google, ou seja, o próprio google é que nos fornece essas estatísticas sobre as quantidades de pesquisas.

Após esses passos vamos para outro fator muito importante para analisar para a escolha do seu nicho de mercado:

3 – Quais As Formas De Ganhar Dinheiro Com Um Blog Profissional Durante Ou Após a Construção Da Sua Audiência?

Até o momento estou cheio de ideias e inclusive estou com alguns assuntos que mim interessa muito, mas não sei se seria do interesse dos leitores ao ponto de gerar retorno financeiro! O que faço?

Nesse ponto é importante ter já passado pelo keywords planner para confirmar a demanda e com isso ver se existem pessoas interessadas, ou seja, se já existe pessoas buscando informações no google.

Feito isso, vamos descobrir se no mercado que você quer iniciar o blog seria bom o suficiente para te gerar retorno financeiro.

Como saber se conseguirei ganhar dinheiro?

É absolutamente claro pra você que há dinheiro a ser gasto neste mercado e ele poderá lhe gerar renda passiva no longo prazo? O mercado selecionado é comprador?

Vamos dar uma rápida olhada nos principais formatos de monetização de um blog para você já ficar bem antenado nesta questão e acertar na escolha.

As 5 melhores formas de ganhar dinheiro com um blog :


#1. Google adsense:

Com o google adsense você pode ganhar dinheiro com qualquer assunto. É a mais simples, fácil e rápida. Mas também a que se ganha menos.

Há uma razão simples para isso.

O google te pagará centavos de dólar a cada clique nos banners que você colocar no blog. E para valer a pena, tem que haver um número considerável de visitas.

No começo não vale a pena, pois o seu projeto ainda terá poucas visitas, mas quando você chegar em um nível de milhares de visitas por dia assim como muitas blogueiras e blogueiros de sucesso, aí sim, dará para ter uma renda legal com esse modelo.


#2. Vender espaço publicitário:

Não é de hoje que empresas tenham começado enxergar o potencial dos blogs para atingir os seus potenciais clientes.

A televisão, por exemplo:

É um modelo onde ás empresas pagam caro. A fim de fazer propaganda a uma grande massa de pessoas ( todos as idades, interesses e necessidades veem o anúncio.)

Precisam investir uma enorme quantia para atingir muitas vezes um público que não está nem aí pelo que ela oferece.

Não é todo tipo de empresário que tem tanto orçamento para investir nesse meio de comunicação.

Como solução muitas empresas tem visto os blogs como uma boa alternativa.

Hoje em dia com um blog, as empresas conseguem atingir exatamente o público que elas procuram para oferecer as suas soluções.

Nós blogueiros podemos monetizar o projeto cedendo espaço para publicidade.

Estudos de casos aqui:

Um exemplo é um dos blogs mais acessados do Brasil quando o assunto é relacionamento, mais especificamente sobre sexo sem tabu.

O casal sem vergonha é um blog de nicho que atrai grandes empresas dispostas a pagar para colocar um banner em alguma área.

Seja no cabeçalho, na lateral, entre as postagem, um simples disparo para a lista de emails e até para colocar uma postagem personalizada em alguma rede social do projeto do Eme e da Jaque.

Esse modelo de monetização tende a dar mais certo quando o blog começa a ter uma boa visibilidade.

Curiosidade: Os fundadores do casal sem vergonha fornecem alguns números em seu mídia kit e revela o tamanho do projeto:

  • 3 milhões visitas mensais no site;
  • 9 milhões pageviews mensais no site;
  • 11 milhões views no canal do Youtube;
  • 800 mil seguidores na FanPage do Facebook.
  • 50 mil seguidores no Twitter;
  • 80 mil seguidores no Instagram;
  • 5 minutos de permanência no site

Legal né! O blog deles recebem muitas visitas. Para quem está começando essa não é a melhor forma para monetizar.


#3. Consultor em seu nicho:

Você possui alguma excelência que pode vender como serviço aos outras pessoas na internet?

• Design gráfico
• Programador
• Web designer
• Redator freelancer
• Serviços jurídicos
• Edição de vídeos

Após se tornar um especialista na sua área.

É comum você ser convidado pelas pessoas que te acompanha, por alguma mídea ou empresa que poderá se interessar nos seus serviços de consultoria.

Essa seria uma boa opção caso você já seja um especialista em uma área e queira atrair clientes para os seus serviços.

Deixe-me lhe dar alguns exemplos:

Você talvez seja um médico, dentista, advogado, arquiteto, programador ou qualquer área com alguma especialização. E gostaria de atrair cliente para o seu negócio, certo?

Poderia então, mostrar o seu trabalho, educar os seus potenciais clientes através do seu blog. Publicando conteúdo de valor de forma a ajudar as pessoas dentro da sua área de atuação.

Assim você conseguirá mais visibilidade para o seu negócio atual.

Sem contar o fato que as pessoas estão cada vez mais conectadas a internet, está nesse meio já se tornou fundamental para empresas e empreendedores.

Se você é um educador financeiro, o blog seria uma ótima forma para compartilhar aquilo que você sabe, educar os seus seguidores e oferecer uma ajuda personalizada (consultoria). Além de claro criar um produto digital com soluções úteis para o seu público.


#3. Programa de afiliado:

Não achou nenhum dessas opções acima legal para o seu blog?

Não se preocupe.

Temos uma opção excelente pra você.

Está é para qualquer projeto que se baseie em blogs de nicho.

Nesta opção você pode fazer uma parceria com empresas que lhe pagam uma porcentagem por cada venda que você realizar. Para citar rapidamente alguns.

Temos os programas de afiliados de produtos físicos:

E de produtos digitais:

Para o tipo de blog que estamos focando, a venda de produtos digitais é a mais interessante.

Esse é o meu modelo de negócio preferido porque posso seguir dois caminhos:

  • 1.Posso me afiliar aos melhores produtos do mercado, vender para o público certo e ganhar uma comissão que pode chegar até a 60%.
  • 2. Posso criar meus próprios produtos digitais e ter afiliados ajudando a vendê-lo no mercado.

Além disso esse modelo me permite ter escala e automatização de processos. Que ao meu ver é uma das maravilhas para fazer o dinheiro trabalhar pra mim.

Você precisa criar um negócio que te permita automatização dos processos de forma a conseguir escalar, que funcione sem depender o tempo todo da sua tua presença.

Que é aquela coisa:

Você não quer ser escravo do seu próprio negócio te consumindo mais tempo do que o necessário para crescer a vida inteira, não é verdade?

Ninguém quer isso.

Queremos chegar a um nível onde podemos até se tornar um nômade digital que mesmo assim o negócio continuará a funcionar.

Trabalhando de qualquer lugar. Com todo o processo automatizado. Tendo renda passiva de forma constante, é isso que você quer, não é?

Contudo existem portais e blogs na internet que faturam milhares como afiliado das grandes varejistas como é o caso do tecmundo e tantos outros. Portanto não deixa de ser um mercado muito lucrativo e interessante para a diversificação de ganhos de um negócio online no longo prazo.

E com o objetivo de diversificar a receita foi que comecei a entrar nesse mercado de produtos físicos. Inclusive você pode acessar um dos mini sites que tenho sobre ar condicionados neste link. Não trata-se de um blog e sim de um mini site com o objetivo de falar de ar condicionado e fazer review dos melhores do mercado.

O ponto prático desse passo é você acessar as plataformas de produtos digitais:


1. Hotmart

A maior plataforma de produtos digitais do Brasil até o momento.

Com milhares de produtos no formato digital, no qual possui um programa de afiliado, que permite você ou qualquer pessoa vender, a fim de ganhar uma comissão a cada venda.

Para criar uma conta na plataforma é muito simples. Com alguns passos você já consegue ter um perfil.

  • 1. Acesse hotmart.com;
  • 2. Clique em cadastre-se;
  • 3. Preencha seus dados com nome, e-mail e crie uma senha;
  • 4. Com conta criada configure o seu perfil.

Você verá algo como isso:

Á esquerda você notará que tem um painel. Levando o mouse por cima do painel a parecerá as opções, dentre elas a de mercado.

Acesse a opção mercado no painel.

Após isso o hotmart te mostrará os produtos já cadastrados.

O hotmart vai te mostrar os produtos mais vendidos nas primeiras posições. Mas você pode aplicar filtros para encontrar outras métricas também e produtos dentro do nicho que você quer atuar.

Os produtos são organizados por categorias, contendo em cada uma, produtos relacionados ao tema.

O que você pode fazer é acessar as categorias e ver produtos dentro do nicho que você escolheu aplicando os filtros que o hotmart te oferece.

Nota: esses locais são ótimos para te ajudar ter ideias do seu nicho de mercado. Se ainda não conseguiu ter uma ideia concreta.

Navegue nas categorias e perceba que cada uma pertence a um mercado, clicando vão aparecer produtos que resolvem um problema muito específico (nichos e sub nichos).

Repita o processo com outras plataformas como a monetizze e eduzz.

14 Plataformas de cursos online para ter ideias do potencial do seu nicho de atuação

plataformas

Pensa comigo:

Se existem cursos sobre um determinado tema, significa que o mercado tem certo interesse em estuda-lo, até porque certamente oferece uma solução, certo?

Muitas vezes antes dos cursos serem feitos. São feitas análises da demanda sobre o assunto, por parte dos criadores.

Alguns ótimos portais de cursos que você pode olhar para inspiração:


Prime cursos: Plataforma de ensino a distância

O Prime cursos é uma plataforma que oferece cursos gratuitos dentro de vários setores. Cursos dentro da área de administração, direito, programação, concursos públicos, comunicação e a lista segue.

A ideia é você acessar e navegar dentro do portal.

Com isso você passa a notar centenas de cursos em áreas que você nem imaginava, logo muitas ideias irão surgir na sua “cabecinha”.

Você pode fazer a mesma coisa com muitas outras plataformas online para obter muitas ideias de nichos e micro nichos e aqui está uma boa lista para acessar agora e começar a analisar:


Coursera
Cursos 24 horas
Learncafe
Iped
Unieducar
Catracalivre
Eduk
Educamundo
Site Edx
Academic earth
Udacity
Open colleges
Miríada X


Até chegar aqui, você escolheu o assunto entre a lista das suas paixões (interesses), olhou a demanda, verificou a tendência do mercado para ter certeza se continuará tendo muita procura e fez uma pesquisa para ver se o nicho possui viabilidade financeira.

Agora você irá começar a entender melhor o seu mercado.

Como?

Estudando as pessoas que já trabalham na mesma área que você pretende começar com o blog.

Mas para que fazer isso Adiones?

Para você descobrir o que tem funcionado melhor naquele mercado que você está de olho.


É possível se destacar nesse nicho de mercado?(Análise da concorrência)

público

Como você pretende ganhar o seu espaço?

Como todo tipo de empreendimento você precisará ter o seu diferencial no mercado para construir a sua audiência.

Estudando as pessoas de mais sucesso na área te fará ter uma visão muito mais clara do potencial do seu blog.

Sabe porque?

  • 1. Porque você consegue ver o que tem feito mais sucesso na área e ainda consegue ter muitas ideias avaliando o que já foi e o que está sendo publicado.
  • 2. Evita que você faça “besteira” e deixa de fazer coisa que não funcionaria no nicho e foca no que já funciona e a medida que possível, faz melhor com um toque da sua própria personalidade e experiência de vida.

#1.1 – Quem são os Top 10 influenciadores do seu nicho?

topo

Tarefa:

Agora você terá que bancar o detetive.

Quem são, o que fazem, como fazem e porque fazem?

Antes de começar o seu blog passe alguns dias a estudar melhor os principais blogueiros do seu nicho. Depois de descobrir os principais blogueiros do seu mercado de atuação entre um pouco a fundo para conhecer melhor o trabalho deles.

Esse estudo dos principais influenciadores do seu nicho tem como objetivo te dar uma noção do que já está funcionando e claro, através disso você acaba conseguindo muitas ideias que talvez não teria se fosse direto para a criação do blog.

Assim, você terá uma melhor visão das tendências, popularidade e sobre o que os principais influenciadores do mercado estão fazendo. 

Fique de olhos nos detalhes:

• Formato de conteúdo em geral
• Tema do blog
• Tipo de imagens usadas

Leia os comentários dos visitantes e veja o que estão dizendo.

Assim você vai ter uma imagem mais clara das estratégias que usará para posicionamento, diferenciação e destaque.

E responda as seguintes perguntas:


A) Quem são os especialista e líderes do setor? (Os mais conhecidos, mais seguidos e de mais sucesso na área? Liste no mínimo 10 pessoas.

Ferramentas para encontra-los:


B) Quais são os tópicos mais populares nesses blogs? E por quê? (Tente entender o porque do sucesso, seja em comentários ou compartilhamentos)


C) Quais são as formas de monetização que utilizam no blog? (observe em como esses blogueiros ganham dinheiro com os seus projetos, tente entender os formatos, se é google adsense, programa de afiliado, venda de produto próprio, mídia kit etc.)


D) Quais são ás perguntas mais comuns nos comentários dos posts populares? (A ideia aqui é você tentar identificar as principais dúvidas do público alvo em questão só para já ter ideias)


E) Você poderia escrever um conteúdo melhor, mais completo e mais prático do que os que já estão publicados lá fora? (Se sei, posso compartilhar. Se posso fazer melhor, tenho chance de me diferenciar e se destacar dos demais).


F) Existem brechas que poderiam ser preenchidas com o seu blog dentro desse nicho?(Problemas, dificuldades e dúvidas que ainda não foram resolvidas ou que já, mas não de forma eficiente).


As principais perguntas do Leitor sobre a escolha do nicho de mercado para começar um blog

Após todas essas dicas vamos agora as perguntas mais comuns sobre o tema.

#1. O que mais mim trava é a questão de não saber qual nicho que eu possa começar o meu blog, porque não sei sobre nada que seja útil, e os que poderia começar não domino muito bem de forma a compartilhar conteúdo com as pessoas, o que posso fazer para driblar essa situação?

Bom nesse caso você tem duas opções:

A) Escolher um tema que goste e mesmo que não tenha muito conhecimento, você pode começar a estudá-lo de forma a ter conhecimento para compartilhar no blog.E de preferencia um nicho onde as pessoas estão dispostas a gastar dinheiro.


B) Você pode escolher uma área de interesse que não tenha tanto domínio no assunto e terceirizar o conteúdo com freelancers.

#2. Como saber se o meu mercado de atuação está de fato saturado?

Existem milhares de nichos e mesmo que você entre em um mercado muito concorrido, quando você sabe se posicionar corretamente poderá conquistar o seu espaço. São poucos os mercados no Brasil que estão devidamente explorados. A questão a ficar atento é no seu diferencial.

O que fará você ser diferente dos demais blogs?

#3. Tenho um blog que a princípio quando criei não era o foco ganhar dinheiro com ele e sim de criar um lugar onde eu pudesse compartilhar o meu dia a dia (do tipo blog pessoal mesmo). Será que mesmo assim tenho chance de alguma forma ganhar dinheiro com ele hoje?( Digo isso porque antes não tinha essa visão de focar em um nicho).

Quem é o público alvo que visita o blog?

Você pode começar por responder a essa pergunta e tentar descobrir que tipo de solução poderia oferecer para os seus visitantes e que poderia ser cobrado.

Uma vez sabendo o que as pessoas que chegam até o seu blog desejam, você pode pensar em criar um produto digital resolvendo um problema específico ou acessar plataformas como o hotmart para ver se já existe algum produto de qualidade que possa de fato ajudar a sua audiência.

#4. Quero entrar em um nicho que gosto, mas não sou especialista no assunto, eu realmente preciso ser especialista para começar o meu blog?

Não precisa.

Tudo que você precisa é apenas saber mais do que o público que pretende ensinar. Um ponto interessante de observar é que a grande maioria das pessoas são iniciantes em qualquer mercado.

Você não precisa ter um diploma em alguma área, para falar sobre o assunto. Se tiver ótimo, é bom e vai ser muito mais fácil caso tenha. Pois quanto mais se sabe sobre uma determinada área mais fácil se torna para criar conteúdo.

Mas a ideia aqui é você escolher assuntos que você tenha interesse em estudar. E mesmo que ainda não saiba muito sobre o nicho, nada te impede de entrar afundo para estuda-lo e compartilhar para o mundo a sua opinião e visão sobre o tema.

Outra alternativa é terceirizar o conteúdo do seu blog.

Existem muitas plataformas na web onde você consegue contratar facilmente os serviços de redatores. Workana e 99 Freelas são alguns deles.

Agora para quem deseja levar a sério a criação de um blog profissional com foco no longo prazo acho o ideal você mesmo criar o seu conteúdo.

Por isso, é bom que escolha um assunto que seja apaixonado ou que pelo menos tenha interesse de estudar e criar conteúdo. E que seja algo que tenha um pouco de conhecimento para criar os conteúdos ao longo do tempo.

5. Se eu começar em um nicho, construir autoridade e de repente ao longo do tempo as pessoas deixarem de se preocupar com o tema e não se interessar mais?

É por motivo como esse que temos que fazer a análise do mercado.

Na fase da escolha do nicho use as ferramentas para descobrir se existem muitas pessoas pesquisando no google.


  • 1. Kewords planner: a mais importante pois dar uma noção em volume de buscas mensais sobre um assunto no google.
  • 2. Google trends: Veja por meio de estatísticas o crescimento ao longo do tempo da demanda de um assunto na internet.
  • 3. Google: Pesquisa por grandes portais, sites, blogs e foruns dentro do nicho de interesse.
  • 4. Youtube: Veja se exitem vídeos com muitas visualizações dentro do tema.
  • 5. Similarweb: Serve para ter uma noção de quantas visitas mensais se tem um blog na internet. 

Olhe se já existem muitos blog dentro do segmento, se existem fóruns de discursão e grupos no facebook.

E claro sempre olhe se as pessoas interessadas no assunto estão dispostas a gastar dinheiro. Porque muitas vezes existem muitas pessoas fazendo pesquisas, mas pode não ser um público comprador. 

6. Mas se após ter definido o meu nicho, definido o meu público e leyout do blog, na hora de produzir conteúdo não conseguir ter ideias e acontecer aqueles bloqueios criativos?

Isso acontece.

No entanto, mais uma vez bato na tecla da importância de escolher um assunto que você tenha conhecimento. Pois mesmo sabendo muito de uma área sempre tem aqueles momento que estamos com a cabeça cheia e não conseguimos pensar em nada.

Isso é normal, mas nos artigos futuros na fase de conteúdo darei várias dicas para driblar os bloqueios para você ser uma máquina de conteúdo.

7. Se o assunto que eu tenho interesse é muito segmentado e quase não tem buscas no google, o que eu faço?

Você pode pegar o tema escolhido e pensar em possíveis tópicos mais amplos para abordar. E refazer as pesquisas para ver se existem demanda.

Se por exemplo o termo que você usou foi “Como adestrar um cão vira-lata”, e essa palavra chave não tiver muita demanda, você pode (e deve) usar termos mais amplos, nesse exemplo seria adestramento de cães.

Preste atenção nesse detalhe, porque ás vezes você pode está segmentando além do necessário. Aí é aquela coisa, quanto mais focado melhor, mas não pode ser tão pequeno a ponto de não ter um número considerável de pessoas pesquisando sobre o tema.

E muito importante, não deve escolher um nicho se essa fatia não existir público interessado.

8. Gostaria de saber se é possível criar um negócio online utilizando os recursos gratuitos da internet, como um blog e páginas de capturas. Se sim, quais recursos são esses?

Sim é possível.

Você poderia começar um blog gratuito sem precisar gastar nenhum centavo, mas quando o objetivo é criar um blog profissional essa não é uma boa ideia.

Iremos falar mais sobre esse tópico nos próximos artigos. E você entenderá melhor o porque não recomento blogs gratuitos.

9. Para ganhar dinheiro online, tem que se dedicar e postar de preferencia todos os dias, isso é o que eu acredito hoje em dia. Mas enquanto você não ganha dinheiro, precisa trabalhar. Como dá pra trabalhar e se dedicar de verdade ao mesmo tempo? Porque eu tenho blog e sei que é preciso algumas horas de pesquisa, tempo pra escrever, pra gravar e etc. E ai? Vale tirar as horas de sono?

Uma coisa notável em muitos blogs de sucesso hoje…

É que eles focam mais na qualidade do conteúdo do que na frequência em si.

No meu ponto de vista é melhor você se dedicar em postar uma a três vezes por semana com um conteúdo melhor e mais completo do que postar todos os dias artigos superficiais.

A questão de valer apena precisa ser avaliada por cada empreendedor.

Todo tipo de empreendimento tem os seus riscos e muitas vezes é necessário abdicar de muitas coisas para a realização dos nossos objetivos.

10. Não tenho muito tempo para mim dedicar a um projeto online devido trabalhar o dia inteiro, mesmo assim ainda seria possível pra mim começar um blog e mantê-lo?

Sim é possível.

Nesse caso você só precisa se planejar e definir os dias e a quantidade de horas que serão dedicadas ao seu blog. Você pode decidir investir uma hora por dia do seu tempo e dar o seu melhor no seu projeto nesse período.

Seja á noite após o trabalho, nos finais de semana ou feriados. Quem quer dar um jeito e quem não quer sempre dar um desculpa, não é verdade?

11. Não tenho tanto dinheiro para começar a investir, haverá muitos gastos na construção do blog?

Os custos para a criação de um blog é muito baixo.

Gosto de sempre fazer essa pergunta para quem está começando a empreender:

Qual é o tipo de negócio conseguimos iniciar sem a necessidade de investir algum dinheiro? Até para jogar na mega-sena você precisa investir. Tem que comprar o jogo.

A boa notícia é que os gastos para manter um blog funcionando são muito baixos em comparação a um negócio físico.

12. Sou daquele tipo de pessoa que não tem experiente em nada que seja útil, algo interessante, então como irei compartilhar informações de valor de forma a ajudar as pessoas?

Eu acredito que todos nós podemos compartilhar alguma coisa que possa ajudar as pessoas em nossa volta. E isso pode ser desde a experiência que você já teve com algo ou com aquilo que você vive no dia a dia.

E se mesmo assim você acha que não sabe nada que poderia compartilhar, vá para a opção de fazer uma lista das suas paixões e veja qual será a ideia com o maior potencial de receita (lucro).

E mesmo que não saiba muito sobre o tema, você pode decidir estuda-lo a fundo e pode ir compartilhando o seu aprendizado no blog.

Recapitulando:

como-escolher-o-nicho-de-mercado-passo-a-passo

Até chegar aqui você já viu como escolher e validar a sua ideia de nicho de mercado para iniciar o seu blog.

Resumindo bem rápido aqui, vimos nesse artigo e nesse outro aqui que você precisa:

  • 1. Criar uma lista de 10 ou mais coisas pelas quais é apaixonado.
  • 2. Consultar se existem pessoas que compartilham dos mesmos interesses no Kewords Planner e no youtube.
  • 3. Verificar o crescimento do assunto ao longo do anos no Google Trends
  • 4. Analisar as múltiplas possibilidades de monetização.
  • 5. Estudar os blogueiros de sucesso do seu setor e tomar nota do que eles fazem para ter mais sucesso.

E para terminar essa etapa quero te pedir uma coisa:

É preciso agir sobre aquilo que você aprende se não nada que eu disser até aqui fará sentido pra você. Lembre-se, seja um fazedor. Pois são o fazedores que alcança o sucesso na vida em todas as áreas e circunstâncias.


Para saber mais acesse um guia gratuito por e-mail com mais de 40 lições de como começar um negócio online a partir do zero para vender todos os dias seus produtos na internet.

Para participar clique aqui e cadastre-se com o seu melhor e-mail 😉


Leave a Reply

Deixe uma resposta